terça-feira, 22 de novembro de 2011

O vale que dá hora ao mundo...

Vale do Joux

O vale de Joux é uma trilha de pelegrinação para os amantes dos belos relógios. Depois de séculos os ribeirinhos do lago de Joux passam de geração à geração o saber da precisão mecânica das engrenagens dos relógios suiços. E neste vale que estão reunidas as marcas dos mais famosos relogios suiços.
Este pequeno vale de Joux situado ha 1000 m de altitude cercado de dezenas de povoados com suas casas em cor pastel em torno do lago do mesmo nome. Uma serraria, um queijo conhecido pela sua marca famosa Mont d'Or, um hospital, um pista de patins, uma piscina de agua quente, e uma unica loja a relojoaria, Le Sentier.
É neste começo da região do Jura que nasce os sonhos de todos que tem meios financeiros de se oferecer um relógio Reverso de Jaeger-LeCoutre, la marine de breguet, o Royal Oak de Audemars Piguetdaqui que partem as maravilhas de relogios que serão expostas nas vitrines de luxo de Nova York, Toquio, Londres, Paris ou Dubai.
Os 6400 habitantes do vale representam apenas 1%  da população da região de Vaud na Suiça e contribui com 10% de suas exportações
Depois de um século e meio de excelência...
As marcas de relógios mais prestigiosas da Suiça são reunidas na zona rural de Joux, tudo por causa do inverno muito longo. Entre lagos e florestas a 50 km de Genebra em torno do maior lago do maciço do Jura o vale de Joux abriga 6400 habitantes  em dezenas de povoados.
Em 1866, que Antoine Lecoutre cria o primeira industria de relojoeira do vale de Joux no povoado chamado "Le Sentier". Hoje a industria emprega mais de 1000 pessoas cuja a maior parte de fronteiriços francês.
Primeira industria de relogios do vale do Joux em 1866
Phillipe Dufour, um mestre relojoeiro do Vale do Joux considerado como um "Deus vivo" no país do sol nascente .Um artesão capaz de trabalhar mais de 2000 horas em um  relógio, e cujo sua primeira fabricação em 1992, foi vendido por 500 000 euros em Singapura. Phillipe Dufour tem pela frente quatro anos de encomendas de relógios de varios colecionadores do mundo todo.
Philippe Dufour
o mais prestigioso artesanato suiço nasceu no alto dos estabulos...
No começo da primavera os gados passeiam livremente no campo ainda verde, foi por causa deles e da estação que nasceu a mais prestigiosas tradição relojoeira mais famosa do mundo. O inverno nessa região de Joux é longo, rude, e durante meses o lago fica congelado, a terra não produz muita coisa, somente o suficiente para alimentar o gado. 
Para sobreviver nesse lugar isolado os habitantes recorriam ao espirito inventor. Em seus ateliês durante o longo inverno eles aperfeiçoaram os segredos da metalurgia e da relojoaria. Adquiriram uma habilidade extraordinaria.

O inverno na região dura aproximadamente 6 meses, os fazendeiros aproveitavam as minas de ferro do vale para fabricar ferramentas de trabalho. O metal ficou raro, e eles tiveram que procurar outros meios de ocupar seu tempo e começaram a criar instrumentos menores. Eles se especializaram na faricação de miniaturas, fabricando belas caixas de musicas e as primeiras engrenagens do relogio. Em 1750, oito fazendeiros do vale criaram a primeira sociedade de relojoeiros do lago de Joux. Em 1866, Antoine LeCoutre e seu filho Elie inauguram a primeira industria do vale no povoado de Sentier. Nove anos mais tarde Louis Audemars e Edward-Auguste Piguet imitam o povoado vizinho do Brassus e criam a sua. Foi o começo de uma rivalidade que continua até hoje. Depois de um século e meio cada familia do vale teve e tem um membro da familia na profissão de relojoeiro.

Milliomètre
A descoberta do Mícron...
A decoberta não foi feita por um físico ou um engenheiro, mas sim por Antoine LeCoutre em 1844, ele criou componentes de relogios de tal perfeição que nenhuma ferramenta revelou sua falta de precisão. e para ultrapassar novos limites, ele cria um instrumento que mede com maior precisão, o Millionomètre. O primeiro instrumento capaz de medir o mícron, e assim poderia fabricar com mais precisão suas peças e cronômetros mais exatos. Esse sistema métrico sera usado como base na industria relojoeira. 
O slogan de LeCoudre " Devemos basear nossa experiência na ciência".

A Francophonie no meio do mundo

No dia 1° de setembro professores e alunos do curso de francês do Centro Cultural Amapaense estiveram no #lecafebistrot ,localizado ...