sábado, 31 de março de 2012

campos de ARTE°°°


Prefeitura de Inadakate no Japão
Um vilarejo perdido entre as grandes cidades do Japão com uma população de 8500 habitantes, Inakadate, com a idade de 57 anos, é uma galeria de arte a céu aberto. A sede da prefeitura é um dos pontos mais visitados pelo espetaculo que oferece visto do céu, murais de arte são expostos para os visitantes.
Uma mistura de tradição e modernidade, ciência e arte, o sérioso, o humoristico e o insólito. Ha cerca de 25 anos a prefeitura de Inakadate criou essa atração turistica. Todos os anos no mês de maio mais de mil pessoas do vilarejo se encontram no campo para plantar arroz. De acordo com a criação dos coordeandores da prefeitura as plantas hibridas vão sendo plantadas formando as imagens em três cores; preta, amarelo claro e verde.
O campo é invadido pelos habitantes que fazem um trabalho de precisão! Impossivel de ver no inicio a magia da transformação, do vazio para a beleza da arte feita pelas mãos de verdadeiros artesãos. O resultado só  aparece semanas mais tarde para impressionar o publico presente, um resultado incrivel  como vocês podem ver nas imagens abaixo:
Os japoneses tem muita criatividade, poesia, invenções, e com intuito de desenvolver a notoriedade do vilarejo de Inakadate eles inovam a cada ano. Mas a técnica que eles escolheram marca bem o espirito japonês uma mistura de real e imaginario...é assim que a cada ano eles escolhem suas obras de arte que vão expor a céu aberto...são heróis do mangá, figuras celebres da história universal com realizações pensadas para o publico que vem em grande numero todos os anos para essa galeria de arte e magia.
Napoleão e seu cavalo branco

Os murais de arte tem uma extensão de 15000m².
Ao nivel do solo os desenhos são imperceptíveis e quem quer desvendar o desenho escolhido para ser plantado pelos habitantes precisa subir na torre da cidade e desvendar o segredo.

Domingo antes da crucificação°°°


Domingo de Ramos é o dia em que celebramos a "entrada triunfal" de Jesus em Jerusalém, exatamente uma semana antes da sua ressurreição (Mateus 21:1-11). Cerca de 450-500 anos antes, o profeta Zacarias havia profetizado: "Alegra-te muito, ó filha de Sião; exulta, ó filha de Jerusalém: eis aí te vem o teu Rei, justo e salvador, humilde, montado em jumento, num jumentinho, cria de jumenta" (Zacarias 9:9). Mateus 21:7-9 registra o cumprimento dessa profecia: "...trouxeram a jumenta e o jumentinho. Então, puseram em cima deles as suas vestes, e sobre elas Jesus montou. E a maior parte da multidão estendeu as suas vestes pelo caminho, e outros cortavam ramos de árvores, espalhando-os pela estrada. E as multidões, tanto as que o precediam como as que o seguiam, clamavam: Hosana ao Filho de Davi! Bendito o que vem em nome do Senhor! Hosana nas maiores alturas!" Este evento aconteceu no domingo antes da crucificação de Jesus.

Em memória deste evento é que nós celebramos o Domingo de Ramos. Este dia tem esse nome por causa dos ramos de palmeira que foram colocados na estrada enquanto Jesus montava no jumento em Jerusalém. Domingo de Ramos foi o cumprimento das "setenta semanas" do profeta Daniel: "Sabe e entende: desde a saída da ordem para restaurar e para edificar Jerusalém, até ao Ungido, ao Príncipe, sete semanas e sessenta e duas semanas; as praças e as circunvalações se reedificarão, mas em tempos angustiosos"(Daniel 9:25). João 1:11 nos diz: "Ele Veio para o que era seu, e os seus não o receberam". As mesmas multidões que gritaram "Hosana" agora estavam gritando "Crucifica-o" cinco dias depois (Mateus 27:22-23).
ramos de Buis
Os ramos era um simbolo de triunfo e vitória na tradição judaica, por causa disto, a cena do povo recebendo Jesus com as palmas cobrindo o caminho com elas e com suas vestes se torna simbólica e importante. A tradição cristã continua e nesse domingo de Ramos começamos a Semana Santa, vamos a igreja  com os ramos em mãos acompanhando a procissão que encena a entrada solene de Jesus em Jerusalém, e logo apos a missa é celebrada. No final os fiéis partem com seus ramos benzidos que serão colocados em um lugar especial de suas casas.
A tradição aqui dessa região da França é os ramos de buis e vamos pegar os nossos para a missa amanhã daqui a pouco :).Aproveito para desejar a todos um Domingo de Ramos de esperança e fé, de que dias melhores virão e serão abençoados!

"Lembro de minha mãe chegando da missa  de Domingo Ramos, em suas mãos os ramos das palmeiras de açai, que eram preparados sempre na noite anterior.
Esses pequenos ramos eram sábios, pois sabiam falar...cada um de suas palavras nos tocavam profundamente. Assim rezávamos e o guardávamos em um lugar visivel da casa.
A cada noite, antes de dormir, eu o avistava...eu sabia que eles nos protegia e que Deus nos guardava." Para você minha querida mãe que me ensinou a rezar e a ter fé, respeitando sempre todas as religiões.

quinta-feira, 22 de março de 2012

Arte e Espetáculo na cidade de Dole

L’habit et le costume   Métiers d'ART de DoleMétiers d'ART de DoleMétiers d'ART de DoleMétiers d'ART de DoleMétiers d'ART de Dole
L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume
L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume
L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume   L’habit et le costume

Entre mulheres tem duas coisas que logo nos fazem lembra da França perfumes e moda!!!
Claro existem a arquitetura, a literatura, monumentos historicos e tantos outros...
Mas hoje vamos falar das roupas que fazem sonhar os realizadores de cinema, teatro, espetáculos do mundo todo. 
Durante muito tempo eu passava pela frente de um dos prédiosantigos da cidade de Dole, que hoje abriga uma escola de profissões da arte e do espetaculo. Ao passar sempre me chamava a atenção um manequim (foto n°2) sempre na janela, algumas vezes sem roupa, e outras vezes magnificamente envolvido de um majestoso vestido época. A cada dia via jovens sentadas na caçadas e bancos com imensos livros de moda.
L’habit et le costume
na janela um convite à descobertas das profissões da arte e do espetáculo
Escola Pasteur Mont Roland de Dole 
Escola Pasteur Mont Roland de Dole 
Patio interno da Escola Pasteur Mont Roland de Dole
O prédio onde fica esse atelier pertence a Escola Pasteur Mont Roland de Dole, que entre outras formações oferece graduações em três ramos d arte: o CAP(certificado de aptido profissional) tailleur Dama, Diploma de Técnico das profissões do Espetáculo(opção vestuário) e Diploma de profissões da Arte (opção realização de figurinos) todos oferecem um diploma técnico em dois anos. Os custos por ano fica em torno de 1 100 euros, ou seja cerca de R$ 2 500,00.
o atelier
 


Durante a visita percorri o atelier, conversei com os coordenadores dos cursos, e ficamos de nos encontrar para uma sessão de fotos e um pequeno documentário com entrevistas de alunos e professores no mês de maio. Uma das coordenadoras rapidamente me explicou como são feitas as parcerias com os espetaculos da região que pedem a confecção de roupas para balés, peças de teatro, grupo de danças, etc.Atualmente elas trabalham em roupas para dançarinas de cancan que irão atuar em um espetáculo regional. 
Durante minha partida uma estudante veio me perguntar qual seria a possibilidade de ir fazer um estágio no Brasil, fiquei de retornar com nomes e endereços para que eles possam parti nessa aventura, levando a arte da França para o Brasil e trazendo a arte do Brasil para a França.
Se algum dos leitores do blog tiverem contatos com escolas que aceitam alunos para estágio, por favor me escrevam narabraga@hotmail.com.
Agora vou me preparar para um atelier de pintura, depois eu conto em fatos e fotos pra vocês!

quarta-feira, 21 de março de 2012

22 de março,O dia mundial da Água

A Asssembléia das Nações Unidas adotou em 22 de dezembro de 1992 a Resolução A/RES/47/193 que declara o dia 22 de março de cada ano "O DIA MUNDIAL DA AGUA", desde o ano de 1993, conforme as recomendações da Conferência das Nações Unidas sobre o meio ambiente e o desenvolvimento (CNUED), expresso no capitulo18 (Recursos em água doce) da Agenda 21. Esta resolução convida os Estados a consagrar este dia segundo o contexto nacional, concretizando as ações tais que a sensibilização do publico pelas publicações, de difusões documentais, organização de conferências, mesas redondas, seminarios e exposições ligadas à conservação e ao desenvolvimento dos recursos hidricos em acordo com as recomendações da AGENDA 21.
Estima-se 884 milhões de pessoas no mundo que não tem acesso a água potável. Quase 1.5 milhões de crianças a cada ano morrem de doenças de origem hídricas.A crescente demografia e o aumento da urbanização, a poluição quimica e as espécies invasoras são os fatores principais que contribuem a deterioração da qualidade da água. As consequências para o meio ambiente e para a humanidade são consideráveis.

Yann Arthus-Bertrand um cineasta francês, que tem a maioria de suas realizações voltadas para o meio ambiente, lança em associação com o Forum Mundial da água o filme A SEDE DO MUNDO em francês LA SOIF DU MONDE. O filme foi lançado no Forum da Agua em Marselha 2012 e é totalmente consagrado às soluções postas em obra em todo o planeta, das mais ambiciosas até as mais modestas. Uma homenagem à homens e mulheres que lutam para a melhoria dos povos de regiões pobres do mundo. O filme também apresenta inumeras soluções para a gestão, a economia, a purificação da água. 
Em julho de 2010, as Nações Unidas reconheceram que a água potável e o saneamento básico é um direito fundamental do ser humano. Eles fixaram os objetivos do milênio para a termo, fornecer à todos os humanos estes serviços essenciais.
A sede do Mundo
SINOPSE do filme

Depois de HOME et da série Vista do céu, o filme documentario de 90 minutos. A SEDE DO MUNDO (A SOIF DU MONDE) de Yann Arthus-Bertrand, realizado por Thierry Piantanida e Baptiste Rouget-Luchaire propõe uma nova viagem ao redor da terra. 

Desta vez o célebre fotógrafo se interessa por um das maiores riquezas da vida: A AGUA. Hoje, nesse contexto de forte crescimento da população mundial, das mudanças climaticas, a agua se tornou um das mais preciosas riquezas naturais do nosso planeta.
Fiel a sua reputação Yann Arthus-Bertrand, LA SOIF DU MONDE, foi filmado em vinte paises, e revela um mundo misterioso e fascinante da agua doce, graças à essas espetaculares imagens aéreas filmadas em regiões de difícil acesso, como o Sudão do Sul ou o norte do Congo;descobertas também das mais belas paisagens do nosso planeta, lagos, rios, mangues desenhados pela água. 
"eu vi cachoeiras talharem a floresta e escupirem paisagens"
"eu vi homens andarem sobre as nuvens"
"eu vi lagos de belezas surrealistas"
A SEDE DO MUNDO confronta a famosa visão aérea do mundo de Yann Arthus-Bertrand com a dura realidade cotidiana de todos aqueles que são privados da água, morrem em busca da água para purificar e levar para os que necessitam dela.

O filme é feito de encontros...um pastor de ovelhas do norte do Quénia que falou que matou pela água e que se for preciso o fará novamente...de mulheres que dançam com a chegada da agua em seus vilarejos.
Uma embaixatriz nas Nações Unidas atipica explica que seu combate para que os governos se unam na luta para que o povo tenha acesso à água e as técnicas mais modernas de purificação garantindo assim a sobrevivência e a saude das populações mais pobre.
Reportagens realizadas na Europa, na África, na Ásia e na América, dão a palavra à esses que lutam e inovam a fim de levar agua onde ela falta, a utilizá-la inteligentemente, a purificá-la, ou melhor ainda, deixar de poluí-la. 
Personalidades cativantes, reconhecidas internacionalmente ou simples voluntários de luta pela vida, iluminam o filme com suas energias, suas imaginações e seus entusiasmos...pois o acesso à água potável é mais que nunca o grande desafio do amanhã. 

“ Seremos capazes de imaginar uma nova cultura da água? ”

terça-feira, 20 de março de 2012

homenagem ao Anjo de Hamburgo...


Aracy Guimarães Rosa 

Deputada Janete Capiberibe quer homenagear brasileira que salvou judeus do Nazismo

Brasília, 19/03/2012 – A Europa, durante a Segunda Guerra Mundial, foi cenário de um dos capítulos mais nefastos da história da humanidade, o Holocausto. Entre 1939 e 1945, o Governo totalitário de Adolf Hitler, na Alemanha, disseminou o regime nazista que exterminou 6 milhões de judeus em campos de concentração espalhados por todo o continente. Foi durante este capítulo da história mundial que pessoas comuns foram capazes de atos de heroísmo para salvar a vida de milhares de outras pessoas. Um desses atos heróicos foi protagonizado pela brasileira Aracy de Carvalho Guimarães Rosa, que ficou conhecida como o “Anjo de Hamburgo”.
A brasileira Aracy salvou judeus do regime nazista 
A história de vida de Aracy, que morreu no ano passado aos 102 anos, ainda é pouco conhecida em seu próprio País. Enquanto trabalhava no Consulado do Brasil em Hamburgo, a brasileira ajudou judeus a fugirem do Holocausto e a entrarem no Brasil ilegalmente durante a ditadura do Estado Novo, de Getúlio Vargas. O ato de humanidade e bravura é reconhecido no mundo inteiro. Ela é a única mulher a ter o nome inscrito no Jardim dos Justos, no Museu do Holocausto, em Israel. Agora, a deputada federal Janete Capiberibe (PSB-AP) quer o nome de Aracy gravado no Livro Heróis da Pátria, que confere homenagem aos brasileiros que se destacaram por atos de bravura. “Estamos diante de uma heroína convicta. Uma personalidade histórica digna de ser resgatada e incluída também na história do País que ela tanto amou e honrou”, defende a autora do projeto de Lei 3.435 de 2012.

A dimensão do ato de Aracy ganha proporção quando lembrado que, em 1938, entrou em vigor no Brasil a Circular Secreta 1.127, que restringia o ingresso de judeus no País. Para burlar a medida, a paranaense, que despachava com o cônsul geral, misturava os vistos com a papelada para assinatura e não punha no documento a letra J, que identificava quem era judeu. Casada com o romancista João Guimarães Rosa, autor do clássico Grande Sertão Veredas, Aracy chegou a transportar judeus no próprio carro, escondidos no porta-malas. O casal permaneceu na Alemanha até 1942.

Depois que regressou ao Brasil, a mulher que combateu o nazismo e desafiou os desmandos do Estado Novo, não titubeou em enfrentar a ditadura militar instalada em 1964. Ela livrou políticos, intelectuais, compositores e artistas da violência da ditadura, entre eles o cantor Geraldo Vandré. Se a homenagem for aprovada no Congresso Nacional, o nome de Aracy de Carvalho Guimarães Rosa, o “Anjo de Hamburgo” passa a figurar ao lado de outros conhecidos heróis brasileiros como Alberto Santos Dumont; Zumbi dos Palmares; Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes; D. Pedro I e Duque de Caxias. 

primavera flores e cores¸.•Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ


A primavera europeu começa no dia 20 de março até 21 de junho,é sobretudo uma estação de cores e flores. A flor que anuncia o fim do inverno e o começo da primavera é a "Perce-neige".

a partir de fim de fevereiro...

Nesta época do ano as vedetes são as perce-neige, os crocus(flor do açafrão) e os éranthes (flor dos Alpes). As primeiras são indispensaveis, e se espalham rapidamente, se multiplicam graciosamentes. 

Flor perce-neige
Crocus - Flor do Açafrão
Eranthes flor dos Alpes
A primavera é propricia para as plantas bulbosas, certas entre elas florescem desde o fim de fevereiro. As mais conhecidas: jacinto, fritillaria, begônias, tulipas...
jacintos
Copo de leite coloridos(Zantedeschia Aethiopica)
Tulipas
Em março e abril elas acordam para a primavera...

Os bulbos começam o desfile de cores, depois os narcisos e jonquilles, assim como as anemonas blanda 'White Splendour' e as primèveres. Os narcisos e as jonquilles, existem em dezenas de variedades: simples, unicolores, dois tons, brancos, dourada, amarelo claro, creme.
as primèveres
flores "les pensées"
narcisos

jonquilles
Mais tarde no final de abril começo de maio o espetaculo dos bulbos tradicionais das tulipas híbridas Darwin, flor de lis, elas ocupam os jardins.
tulipas hibridas Darwin
Durante o mês de maio florescem ainda os narcisos dos poetas, perfumados com ar das montanhas dos Alpes os jacintos em variedades multicores. Courant mai également, fleurissent encore les narcisses des poètes, si parfumés, quantité d'aulx d'ornement, des cyclamens et même des jacinthes dont les variétés multiflores refleurissent si bien chaque année. e até outubro as hémérocallis que vão florir com suas folhagens vivas e exuberantes, que farão esquecer as tulipas.
hemerocallis
Durante todo o verão são os gerânios que enfeitam ruas, avenidas e balcões de cidades e vilas da França.
gerânios

linguagem das flores...

Jonquille simboliza o amor e o desejo.
Tulipa, elas estão presentes nas mil e uma noites como simbolo do amor, o vermleho significa amor eterno. A tulipa em cores variadas significa admiração, a tulipa amarela o amor sem esperança. 
Primevère simboliza o primeiro amor.
Pensées de cor violeta representam a tilidez, a modéstia, as azuis testemunham a fidelidade, a branca evoca a felicidade campestre.
Anemona Blanda, simboliza a perseverança, amor fragil.
Hemerocallis, amarela convite ao adultério e azul perseverança.

Naramazonie

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Macapa