quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

GEOconfraternização no leito do Rio AMAZONAS...


GEOconfraternização NO LEITO DO RIO AMAZONAS “ MDR/UNIFAP 2011, nesta quinta-feira a partir das 09:00 horas da manhã, com concentração no Trapiche Eliezer Levi e com a participação de alunos e docentes do Programa de Pos-Graduação Mestrado em Desenvolvimento Regional da UNIFAP.
Com o objetivo de humanizar o ambiente acadêmico-cientifico, sempre de muita pressão, a que é submetido o aluno busca-se desacelerar esse processo preparando o aluno para uma nova realidade. Saber que mesmo sob as condições estressantes é possi­vel e precisa-se ter qualidade de vida em um programa de pos-graduação.
A real potencialidade do Rio Amazonas precisa ser evidenciada. Durante o semestre vigente varias incursões foram feitas através das aulas praticas proferidas pelos professores Dr. Valter Gama de Avelar (Geomorfologia Urbana) e Dra. Valdenira Ferreira dos Santos (Geologia Ambiental e Sistemas Geologicos...) para os alunos da Turma MDR-2011 (Marcelo Oliveira; Rafaele Flexa; Rubens Pinheiro e Victor Lamarão).
Diante de exposto, aliar o lazer e a ciência em um ambiente natural de tamanha importância para a cidade de Macapa e para o estado do Amapa (mais preservado da união) e por que não dizer do Mundo à fomentar uma cultura de valorização  de nossas potencialidades naturais. 
footlama orla de Macapa - Amapa - Brasil - Rio Amazonas
A muito o footlama é uma realidade presente para os moradores de Macapa, havendo inclusive campeonatos promovidos por entidades oficiais. Outros esportes são potencializados no leito arenoso do Rio Amazonas tais como: Handeball de Areia; volley de praia; corrida de concentração; cabo-de-guerra; a bandeirinha; queimada; natação; atletismo... A maioria dessas modalidades serão experimentadas na GEOconfraternização .
O evento não se limita apenas a descontração  das brincadeiras que serão levadas entre docentes e discentes. Vai-se utilizar a descontração  para abordagem de assuntos do dia-a-dia do aluno e pertinentes ao local, como: Determinação do PD de cada aluno; Orientação  Geografica pelo Sol (pontos cardeais); determinação  prática dos termos geograficos de drenagens (Alto Curso-NASCENTE-MONTANTE; Médio Curso-INTERMEDIARIO; Baixo Curso-JUSANTE-FOZ de um Rio); Observação  de processos geologicos exagenos (erosão e deposição de sedimentos); definição  de falésia..... Cada professor tera a liberdade para expandir o conhecimnto dentro de sua area. 

(texto produzido pelo Dr. Valter Gama de Avelar) 


A Francophonie no meio do mundo

No dia 1° de setembro professores e alunos do curso de francês do Centro Cultural Amapaense estiveram no #lecafebistrot ,localizado ...